Segurança Inteligente

Em 24 horas, cariocas enfrentam tiroteios, assaltos, perseguição e arrastão

Posted by on 22 22UTC Jul 22UTC 2017 in notícias de crimes | 0 comments

Policiais perseguiram criminosos que assaltaram amigos na Barra da Tijuca. Três homens armados também fizeram um arrastão em um ônibus do BRT.

A violência também assustou os moradores da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, na noite desta quinta-feira (21). Desta vez, houve perseguição e tiroteio e teve gente que acordou apavorada.

“Teve uma freada brusca. Depois, muito tiro, muito tiro mesmo. Muita polícia na contramão, fechando a rua. As pessoas dando ré. Morri de medo, foram uns 15 minutos de tiro. Muito tiro mesmo”, relatou um morador.

O tiroteio foi depois de uma perseguição pelas principais ruas do bairro. Dois amigos estavam saindo de um quiosque na Avenida Lúcio Costa, na Barra da Tijuca, e iam buscar os carros que estavam estacionados. No caminho, bandidos armados anunciaram o assalto.

Uma viatura da Polícia Militar que passava pelo local viu a ação dos criminosos e começou a perseguir os ladrões que fugiam nos carros roubados. A perseguição começou na Avenida das Américas e foi até o Recreio. Na altura da Avenida Salvador Allende, os policiais cercaram os bandidos com motos, mas eles não pararam.

Um dos carros com criminosos passou por cima de uma das motos da polícia. O PM que estava na moto não se feriu. Dois criminosos foram presos. Um deles estava ferido.

Arrastão no BRT

Esse não foi o único crime nesta madrugada na Barra da Tijuca. Por volta das 23h, três homens armados fizeram um arrastão em um ônibus do BRT que estava lotado e ia do terminal Alvorada para Madureira. Eles roubaram pelo menos 20 passageiros.

“Esses três indivíduos entraram no carro na estação aeroporto de Jacarepaguá. Eles estavam vindo lá de trás assaltando todo mundo. ‘Me dá o celular, me dá o celular’. Um estava com uma pistola, os outros dois, com uma faca, e vieram limpando todo mundo, pegando o celular. O que a pessoa tinha na mão, na hora ali, eles estavam pegando. Virou normalidade”, disse um dos passageiros.

Linha Vermelha é fechada para operação policial

Ainda na noite desta quinta-feira (20), a Linha Vermelha foi fechada para uma ocorrência policial. Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, a via foi completamente liberada por volta das 20h, e a PM seguiu no local fazendo uma operação. Esta foi a 16ª vez em 2017 que a Linha vermelha foi fechada devido à violência.

Uma delegada gravou um áudio, que a TV Globo teve acesso, informando que a 59ª DP (Duque de Caxias) estava sob ataque de criminosos – o que teria dado início à operação. Mais tarde, após a corporação negar o ataque, a mesma delegada gravou outra mensagem, corrigindo a informação.

Segundo ela, havia um tiroteio em comunidade próxima, entre policiais e criminosos, e pessoas assustadas entraram na delegacia dizendo havia um ataque à DP. “Essa informação foi equivocada, ela não procede”, esclareceu a delegada.

Pacientes são assaltados em fila de hospital

Pacientes que estavam na fila do Instituto Estadual de Diabetes e Endocrinologia, no Centro do Rio, foram assaltados na manhã desta quinta-feira (20). Eles esperavam a abertura do hospital, por volta das 5h, quando criminosos chegaram em um carro.

As pessoas que estavam na fila disseram à equipe do Bom Dia Rio que os ladrões eram três homens e uma mulher. Eles renderam as vítimas e pediram carteiras e celulares. Chegaram a levar o cordão de uma menina e a mochila de outra criança, segundo relatos.

Orçamento Rápido